Sejam bem vindos, sonhadores

O que é escrever para você? Um sonho, um plano, uma necessidade?  Um ato de teimosia e amor?

Não é pelo dinheiro, eu sei: estamos no Brasil. Mas a verdade é que nunca foi. O mundo da escrita é bem mais do que isso para mim, e se você está aqui, talvez seja para você também.

A escrita mais profunda, aquela que encanta (e aí sim alcança multidões) vem de um lugar que não anda no mesmo ritmo do mundo. Esse lugar é cérebro e espírito, acessível apenas sob condições certas. Dele minam a autoconfiança e o fluxo criativo, que se revelam na tranquilidade. A musa está dentro de nós, mas para ser desenterrada pede senha. E a senha está em você, e apenas você pode acessá-la.

Escrita pede mágica, e entrega de volta mais mágica.
A notícia boa? A mágica é um fenômeno alcançável.

Eu acredito em mágica, e acredito também que a boa escrita aparece quando conhecemos nosso eu-criativo. Quando sabemos o que o alimenta e o que faz mal para ele. Assim que travar contato com esse lado, ele estará lá sempre que procurá-lo. Ele exigirá de você honestidade, autenticidade, prática contemplativa e amor (sim, amor, e não só esforço e suor. Bem, talvez um pouquinho mais de esforço e suor do que você imagina) Mas em troca, sua escrita fluirá mágica e caudalosa, por que virá de um lugar que não sofre bloqueios, não diminui com o tempo e é abundante por natureza.

Mas e quanto às técnicas?

Enquanto nosso eu-criativo pede contemplação, nossa parte racional pede técnica. Livros são arte em forma de escrita, mas também são um produto. Eles precisam chegar nas mãos dos leitores, precisam ser coerentes e fascinantes. A arte, para ser plenamente vivenciada, precisa de uma forma (e não uma fórmula).  É aí que entra a segunda parte desse blog.

Se você quer vender arte, traz o café, puxe a cadeira e boa leitura!

Sinta-se muito bem vindo(a) ao Livros no divã.

8 comentários em “Sejam bem vindos, sonhadores

  1. Hello. Olha o Hemerson aqui de novo. Eu tô no wattpad, na pagina do face e no blog. Eu te sigo até a China (isso é, se você bancar a minha passagem, por que sou pobre Kkk). Falando sério; nossa, eu amo as suas dicas. De verdade. Elas estão me ajudando muito com meu novo livro, Doce Morte.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s